Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2006

Carolina Salgado Vs Justiça Portuguesa

Não posso deixar de comentar aqui o caricato desta situação, que por sua vez é um reflexo do estado caótico deste país em que vivemos.
Não pondo em causa as origens profissionais da autora ou as intenções com que escreveu o livro, Carolina Salgado criou uma situação um quanto ou quanto ambígua para a Justiça Portuguesa, mas vamos por partes:
- Carolina Salgado teve a coragem de assumir, indicar nomes,e locais, só por isso é de louvar este acto de pura loucura, sabendo ao que iria ficar sujeita quer ao nível do mediatismo quer por parte da justiça, quer por tudo aquilo que o seu livro implica neste caso do Apito Dourado.
- Todos nós sabemos, uns melhor que outro, que a nossa justiça prima por uma lentidão que até a um caracol mete impressão, mas isso é um aparte. Que a nossa justiça até hoje ainda não conseguiu provar nenhuma acusação feita dentro deste processo, bem pelo contrário discute-se se a investigação foi feita de uma forma legal ou não (e o pagamento a árbitros para favorecimento de jogos é legal?). Desta forma e de uma maneira algo controversa uma só pessoa obriga a que se ponha de parte a questão da legalidade da investigação, e reabra um processo que parecia estar condenado a prescrever os prazos legais, mais um entre tantos.
- Por outro lado ao assumir publicamente determinados actos, levando a reabertura de processos que a partida estariam condenados a perderem-se no decorrer do tempo, invertendo os interesses que se adivinham em todos os processos ligados ao futebol e em especial ao Apito Dourado. Será que estamos perante uma nova forma de obrigar a nossa justiça a mexer-se? Se assim for estamos perante uma vaga de novos livros (Casa Pia, Caso Dimensino, Caso FreePort de Alcochete) expondo um manancial de informação publica e que não pode desaparecer nas enumeras folhas que constituem estes e outros processos.
- Sempre ouvi dizer aonde a fumo há fogo, neste caso concretamente sempre ouvi falar que o FCP e mais precisamente o Pinto da Costa compravam árbitros muitas vezes algumas figuras mais mediáticas do nosso futebol afirmaram saber que havia corrupção no futebol (Dias da Cunha ex-presidente do SCP, Luís Filipe Vieira presidente do SLB) mas nunca apresentaram provas em concreto (faça-se a excepção um livro documentado entregue pelo presidente do SLB, que ate hoje nunca mais se ouvi falar sobre assunto, mais um dos tais processos) será preciso ser uma “menina “ do FCP a expor a privacidade da sua vida conjugal para que este e outros se possam resolver e acabar de vez com a suspeição que paira no futebol português. A ver vamos, é só esperar pelo desenrolar desta telenovela portuguesa
E por fim estaremos nós na presença da prenda de natal mais vendida em Portugal? (tendo em conta ao que dizem - 6 milhões de benfiquistas, 1 milhão de sportinguistas, mais os restantes clubes, a todos deve interessar esta leitura.)
Um comentário só para finalizar, os Italianos (esses eternos mafiosos) resolveram o seu Apito Dourado de uma forma muito rápida e nós será que também o iremos fazer? Fica o exemplo a seguir
 
 
                                                                                             
publicado por BMM às 22:22
link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. O que os jornalistas faze...

. As minhas leituras

. De Volta

. O verdadeiro Casino Royal

. O regresso de Rocky

. relação Homem vs Mulher a...

. QUE FAZER SE FICAR ENCRAV...

. Banda Desenhada

. Balanço Musical -2006 Par...

. Quero viajar!!!!!

.arquivos

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds